Scroll Top

Mulher trabalhando mães empreendedoras

Um dos grandes dilemas de uma mulher trabalhando nos dias de hoje é conseguir conciliar família e trabalho sem que haja prejuízo nestas duas áreas fundamentais para a satisfação e a felicidade de todo ser humano. Estatisticamente, é comprovado que muitas mulheres protelam a gravidez para que possam se estabelecer profissionalmente e assim, ter maior autonomia e oferecer melhores condições de vida a seus filhos e sua família, e ao mesmo tempo, ter uma carreira sólida e que lhe traga realização.

Quando chegam os filhos, entretanto, são muitas as dúvidas e os desafios a serem superados para que essa dupla, ou tripla jornada de trabalho seja realizada da melhor maneira possível, e uma das alternativas é aproveitar para realizar outro sonho de grande parte da população: ser dona do seu próprio negócio, e é desse tema que trataremos, as mães empreendedoras.

Mulher trabalhando

É cada vez mais comum encontrarmos uma mulher trabalhando hoje em dia, nos mais diversos setores, até mesmo aqueles que há um tempo atrás eram essencialmente masculinos. E tão comum quanto, é encontrarmos mulheres que administram e fazem a gestão de seu próprio negócio, e boa parte delas, são mães. Embora pareça difícil, é totalmente possível conciliar essas duas funções, a de mãe e empreendedora. Basta ter organização, disciplina e amor na atividade que se propõe, e assim, será possível manter um contato próximo e direto com os filhos, e acompanhar de perto cada etapa do seu desenvolvimento.

Mulher trabalhando e planejamento do seu negócio

A organização deve começar pelo planejamento do seu negócio. Se for iniciar agora, já imagine que toda a estrutura deve ser pensada a partir da proximidade com os filhos, afinal, esse é o objetivo. Se o negócio já existir antes da maternidade, será preciso adequar a estrutura para essa nova realidade. Em ambos os casos, porém, é preciso ter em mente que, dependendo do tipo de negócio, o local destinado aos filhos deve ser separado do seu ambiente particular de trabalho, para garantir a privacidade tanto dos clientes quanto das crianças. Essa definições dependerão da idade dos seus filhos e do tipo de empreendimento que está se desenvolvendo, e neste caso, use o bom senso e sua experiência. A rotina deve ser bem pensada e executada, a fim de que todos sejam bem atendidos e cuidados, afinal, esse é o grande diferencial das mães empreendedoras: manter e cativar clientes e ao mesmo tempo, dedicar-se aos filhos.

O sonho de toda mulher, trabalhando ou não, é ter condições de dar o melhor a seus filhos, e não se trata só de condições materiais, mas também de cuidado, carinho e atenção. E para alcançar esse objetivo, a disciplina será uma grande aliada. Dedique-se ao seu planejamento como se você não fosse a dona do negócio, pois as pequenas concessões podem embaralhar o ambiente e trazer prejuízos ao seu negócio.

Por último, mas não menos importante, coloque o amor e o carinho no que faz, isso será um grande exemplo para seus filhos e também para os seus clientes. Busque a melhoria constante, invista em qualificação sempre que tiver uma dúvida ou dificuldade, conte com o sorriso e com o carinho de seus filhos, que estarão próximos de você, e que certamente, terão muito orgulho do seu esforço.

Sua Ideia de Negócio É Lucrativa?
Saiba quais são as 4 perguntas poderosas que podem salvar seu negócio antes mesmo dele ser criado. Evite cometer os ERROS COMUNS dos empreendedores de primeira viagem. Saiba mais... PS: No final eu apresento uma ferramenta que pode triplicar suas chances de sucesso com um negócio próprio. Clique aqui!
Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.